Zuckerberg perde R$ 39 bilhões com saída de Coca Cola e Unilever das redes.

As ações do Facebook perderam nesta sexta-feira, 26, US$ 56 bilhões, cerca de R$ 306,8 bilhões, do valor de mercado da empresa, depois que empresas, como Unilever e a Coca-Cola, afirmarem que irão suspender seus anúncios nas redes sociais.

Segundo a agência Bloomberg, com essa desvalorização, o presidente da companhia, Mark Zuckerberg, viu sua riqueza recuar US$ 7,2 bilhões, que corresponde a R$ 39,4 bilhões.

A medida das marcas é um marco importante na escalada de esforços dos anunciantes para que as companhias tecnológicas adotem mudanças em relação ao conteúdo publicado nas redes.

No primeiro trimestre deste ano, o faturamento total da empresa fechou em US$ 17,7 bilhões (R$ 96,9 bilhões), dos quais 98% ou US$ 17,4 bilhões (R$ 95,3 bilhões) vieram da publicidade, de acordo com o relatório divulgado a investidores.


Site desenvolvido por Agência Clig