Palmeiras Imperial vão substituir árvores de nim retiradas do Centro de Quixadá.

A retirada de árvores de nim do Centro de Quixadá, nas semanas anteriores, causou certo alvoroço nas redes sociais. Especialmente porque opositores do governo municipal se aproveitaram para dizer que o meio ambiente estava sendo maltratado.

Na verdade, a retirada do nim, planta indiana altamente prejudicial ao bioma caatinga, acontece como parte da requalificação do Centro da cidade.

As obras em andamento vão tratar, também, do replantio de espécies não danosas para sombreamento, mais bonitas e apropriadas aos centros urbanos, como aquelas que possuem raízes pivotantes, que crescem verticalmente sem ameaçar a estrutura de calçadas e encanamentos no subsolo.

As árvores de nim retiradas das proximidades da Praça José Linhares da Páscoa, por exemplo, serão substituídas ppr uma fileira de palmeiras imperial. A informação é do prefeito Ilário Marques. As palmeiras, quando estiverem plenas, criarão um belíssimo visual de contraste com a estrutura da catedral e levarão ao centro da cidade mais uma referência de beleza natural e respeito ao meio ambiente.


Site desenvolvido por Agência Clig