Ato de atentado ao pudor.

Não é raro encontrar comportamentos exóticos no período de carnaval. Mas nesta segunda-feira, 12, logo nas primeiras horas da manha um homem não identificado surpreendeu quem passava pela Rua Basílio Pinto, bem no Centro de Quixadá. Ele corria nu, acenando para os condutores e transeuntes. Uma turma que passava de carro filmou a cena e as imagens foram parar nas redes sociais.

Vale ressaltar que a conduta do indivíduo, ainda que pareça um mero excesso de carnaval, é crime de atentado ao pudor previsto no artigo 233 do Código Penal e pode levar à detenção de três meses ou um ano de tenção ou multa.

De acordo com o 9º Batalhão de Polícia Militar, o homem foi detido e levado para a Delegacia de Polícia Civil, onde foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência por ato obsceno.

O jovem é universitário, não teve seu nome divulgado, mas segundo um inspetor da polícia, ele aparentava estar sob efeito de alucinógenos. Natural de Pacajus, o rapaz foi rapidamente liberado. Ele, inclusive, se recusava a sair da cela na delegacia, mas com muita insistência de sua mãe, acabou indo embora, devidamente vestido.


Site desenvolvido por Agência Clig