Paulo Guedes: “Estamos convencidos de que Lula não roubou um tostão.”

Em reunião com seis presidentes de Tribunais de Contas estaduais, o ministro da Economia, Paulo Guedes, usou tom catastrofista ao defender as reformas que preconiza e sentenciou: “Em Brasília estamos como em Versalhes: à espera da guilhotina”.

De tudo que disse, porém, o que mais chamou atenção dos presentes foi sobre o ex-presidente Lula: “Estamos convencidos de que Lula não roubou um tostão. E seu patrimônio prova isso. Ele não teve foi quem o avisasse do que acontecia em torno de seu governo. Acabou vítima do jeito de fazer política no Brasil. Serve como exemplo”.

Entre tantas outras coisas, Guedes é crítico da maneira como se construiu a Arena Corinthians, para ficar apenas no futebol.

A reunião aconteceu no sexto andar do ministério da Economia, no dia 12 de março.

A informação é do jornalista Juca Kfouri.


Site desenvolvido por Agência Clig