João Paulo e Ilário Marques.

A resposta simples e direta é NÃO!

Mas, vamos lá debulhar o milho.

Tornada pública a intenção do vice-prefeito de Quixadá de concorrer em 2018 ao cargo de Deputado Estadual, uma das primeiras perguntas para as quais o imaginário popular deseja resposta é esta: o vice-prefeito João Paulo e o prefeito de Quixadá, Ilário Marques, romperam?

A pergunta faz sentido, uma vez que todos sabem que o candidato declarado de Ilário Marques à Assembléia Legislativa, no âmbito do município de Quixadá, é o Deputado Osmar Baquit e nenhum outro.

A Deputada Rachel Marques, que pretende concorrer a uma vaga na Câmara Federal, também não vai apoiar, no âmbito do município de Quixadá, nenhum outro candidato ao legislativo cearense além de Osmar Baquit.

Por outro lado, não há ruptura na aliança entre Ilário e João Paulo quando o assunto são as condições da parceria estabelecida em 2016, que obviamente não previam apoio eleitoral a possíveis pretensões estaduais de João Paulo em 2018.

Assim, João Paulo continua, sem nenhuma dúvida, apoiando a gestão municipal de Ilário Marques. Aliás, dentro do possível, o vice-prefeito tem colaborado para seu êxito, pois é um dos vice-prefeitos mais ativos do Ceará. Estão, desta forma, atendidas todas as expectativas políticas que deram configuração a aliança entre João Paulo e Ilário, estabelecida em 2016.

Assim, dito de modo simples, no cenário em que João Paulo se apresenta como pré-candidato a Deputado Estadual, não há nenhuma ruptura na aliança firmada em 2016 e não se vislumbra nenhum tipo de afastamento entre os dois em decorrência de quaisquer decisões sobre candidaturas em 2018.

Também é verdade que Ilário não apoiará uma eventual candidatura de João Paulo ao parlamento cearense, sem prejuízo da parceria que ambos construíram em 2016. E nem João Paulo, por certo, espera isto, já que o compromisso firmado por Ilário e já notório neste sentido é que este apoio será dado indubitavelmente a Osmar Baquit.

Segue o fluxo.

ESPAÇO PUBLICITÁRIO


Site desenvolvido por Agência Clig