Razões para escrever

Fato determinante para o desenvolvimento e preservação de nossa memória, a escrita transformou a pré-história em história garantindo ao homem a maior transmissão de valores e ideias. As letras nada mais são do que desenhos. Todavia, nosso cérebro é capaz de juntá-las e transformá-las em objetos, sentimentos, coisas do mundo visível e invisível, para nos dar uma visão ainda mais detalhada e aprofundada sobre quaisquer assuntos que sejam do nosso interesse.

No início da história até meados do século passado, saber ler e escrever conferia uma vantagem sobre os demais. Hoje a vantagem é saber ler e interpretar. Fico impressionado com a quantidade de pessoas que não entendem ironias, hipérboles e outras figuras de linguagem que tem por objetivo deixar o texto mais divertido. Uma vez que as palavras escritas não são dotadas de tonalidade frasal, é necessário um esforço maior do leitor para entender quando algo é ou não uma brincadeira (ainda que esta venha com um fundo de verdade).

Com o advento da internet veio o que nós chamamos de era da informação. Tudo está ao alcance de um clique. Nossas interações sociais se tornaram virtuais. Os jogos deixaram as ruas e enveredaram pelos celulares (que hoje são smartphones), videogames e outras bugigangas. As palavras se contraíram em um ritmo ainda mais frenético de maneira q vc sabe exatamente o q eu ‘stou escrevendo mesmo faltando letras na frase.

O que é mais estranho em tudo isto é que as pessoas gostam cada vez menos de ler. Pouco se vê alguém comentando um best-seller ou obra clássica. Pouco se vê alguém postando suas impressões sobre um livro ou mesmo anunciando sua leitura. Hoje o que mais se posta são roupas, lugares e comida.

Então qual a motivação para escrever?

Felizmente ainda existe muita gente old school que sempre irá preferir ler uma história do que simplesmente acompanha-la pelo cinema ou Netflix. Além disso, o escritor se beneficia de sua escrita como forma de materializar suas ideias, de passar adiante seu legado, de deixar registrado sua impressão sobre algo naquele exato momento. Ademais, a escrita também é manifestação artística quando vestida de versos ou quando se brinca com o significado das palavras.

Escrever é a forma que encontramos de fazer as pessoas se sentirem como nós. É a forma que encontramos de estimular a criatividade e a imaginação das pessoas. É a forma que encontramos de ensinar lições e de passar adiante o nosso legado intelectual. Escrever é transferir para o papel a voz que fala em nossa mente. Escrever é se libertar da chatice que vivemos para sermos o que quisermos.

Este blog, além de informações e notícias, também terá um espaço para o lúdico e artístico. Serão crônicas, poemas, poesias, cordéis e outros relatos artísticos que visam brincar um pouco com a realidade que vivemos, mas sempre respeitando certos limites benéficos a todos.

Só lemos aquilo que nos desperta interesse ou com o que nos identificamos, logo o nosso sentimento é de gratidão àqueles que nos acompanharão daqui para frente.

Site desenvolvido por Agência Clig