Da esquerda para a direita: Pedro Baquit, Camilo Santana, Ilário Marques e Osmar Baquit.

Almoçaram juntos nesta sexta-feira, 01, o governador do Ceará, Camilo Santana, o prefeito Ilário Marques, o deputado Osmar Baquit e o secretário Pedro Baquit. O encontro se deu no restaurante Pé de Serra, em Quixadá, por ocasião da visita de Camilo para inaugurar um novo Centro de Obstetrícia e a ampliação da Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Regional do Sertão Central.

Não precisa ser especialista em política para perceber que o almoço tem a cara de 2020. 

Em 2016, Camilo foi a principal figura que articulou a aliança entre Ilário e Osmar numa campanha que terminou vitoriosa e se mostrou boa para Quixadá. A união entre os dois criou uma força política em Quixadá capaz de mobilizar melhor o governo do Estado em prol das demandas locais. Desde 2016, o Palácio da Abolição já destinou mais de R$ 100 milhões em obras estratégicas para o município. Acabou aquela sensação de que tudo seguia apenas para Quixeramobim, como em anos anteriores e Quixadá voltou a liderar a região do Sertão central como principal destino dos investimentos estaduais.

Algumas dessas obras já foram concluídas, como o Ciopaer. Outras estão em execução, como a rodovia para Dom Maurício e a sede do Corpo de Bombeiros. E outras estão prestes a começar, como a rodovia para o Custódio e a revitalização geral do centro da cidade. O grupo deve anunciar mais investimentos importantes nos próximos meses.

Ilário e Osmar são os principais aliados de Camilo Santana em Quixadá e a campanha para prefeito em 2020, com a intenção já anunciada de Ilário de concorrer à reeleição, e o apoio já declarado de Osmar Baquit, deve contar novamente com a chancela de Camilo.

Diante deste cenário, sem apoio de lideranças estaduais, sem apoio do governo, tendo perdido o apoio de lideranças locais, com a oposição dividida e vendo Quixadá sair do abismo fiscal e financeiro em que a gestão João da Sapataria o colocou, resta ao médico bolsonarista Ricardo Silveira desejar que funcione como elemento de desgaste o clima de denuncismo e os ataques diários empreendidos pelas mídias de sua família, assim como a guerra judicial movida contra Ilário Marques.


Site desenvolvido por Agência Clig