Praça José de Barros, em Quixadá.

A prefeitura de Quixadá captou em 2017, ainda durante o governo Temer, o valor de R$ 690.900,00 para uso em seu planejamento urbano. A verba oriunda do Ministério das Cidades finalmente será aplicada no município, após intensa burocracia.

A gestão Ilário Marques vai utilizar o recurso para revitalização total das quatro principais praças do Centro da cidade e seus entornos: Praça José de Barros, Praça Coronel Nanã, Praça da Cultura e Praça José Linhares da Páscoa.

Praça José Linhares da Páscoa, em Quixadá.

Praça da Cultura, em Quixadá.

Em matéria anterior, o DQ errou ao dizer que a reforma das praças aconteceria no âmbito financeiro do projeto de requalificação do Centro, projeto que abarca a quantia de R$ 10 milhões, dinheiro do Estado do Ceará articulado para o município pela parceria política de Ilário Marques e Osmar Baquit.

Ainda em 2017, a nova administração quixadaense intensificou esforços para destravar as portas das transferências governamentais que haviam sido fechadas para Quixadá após os quatro anos anteriores de seguidas irregularidades.

A aplicação deste recurso se juntará ao projeto principal de requalificação do centro da cidade para dar uma cara totalmente nova às áreas principais da cidade de Quixadá, tornando-a mais moderna, mais comercial e turística.

Nas redes sociais, usuários comentam que o dinheiro deveria ter outros usos, como na gestão da saúde, por exemplo. Mas recursos deste tipo possuem destinação específica e não podem ser desviados para outras finalidades.


Site desenvolvido por Agência Clig