Ernandes Benjamim de Paiva, vulgo “Guelé”, ex-presidiário, foi preso no final da tarde desta quarta-feira, 01, na Rua do Corredor, Bairro Triângulo, em Quixadá. Ele é suspeito de ter assassinado a professora Socorro Gomes Ferreira, de 48 anos, por estrangulamento, na manhã de hoje. Marcas de unhas no corpo do acusado podem revelar a luta da professora pela própria sobrevivência.

Acompanhe nos links a seguir a cobertura do caso:

Polícia Militar fala em possível tentativa de estupro contra professora que foi assassinada em Quixadá

FEMINICÍDIO? Professora Socorro Gomes pode ter sido assassinada por estrangulamento

URGENTE: Professora Socorro Gomes, que havia desaparecido em Quixadá, é encontrada morta

 

Site desenvolvido por Agência Clig