Pai e filho sequestrados entre Banabuiú e Quixadá foram abandonados por bandidos na BR-116, em Fortaleza

O comerciante Francisco Antônio da Costa, conhecido como “Chico”, e seu filho, identificado apenas pelo apelido “Preto”, saíram da localidade de Tabuleiro Grande, Zona Rural de Banabuiú, na madrugada desta quarta-feira, 15, com destino a Quixadá, onde negociariam animais de criação. Os dois, porém, foram sequestrados no trajeto.

Os criminosos tentaram levar o carro usado pelos dois, um caminhão Mercedes Benz de cor azul, placa HOZ-8613, ano 1972, mas desistiram e abandonaram o veículo na localidade de Piranji, em Ibaretama.

Por volta de 11h30 pai e filho ligaram para a família e disseram que estavam bem. Eles haviam sido levados pelos criminosos e foram abandonados na BR-116, já dentro de Fortaleza. Fizeram questão de dizer que não foram “judiados” pelos sequestradores e agradeceram as orações e a preocupação de todos.


Site desenvolvido por Agência Clig