O Delegado Plantonista Salviano de Pádua pediu, nesta sexta-feira, 21, que a população de Quixadá, no Sertão Central, colabore com as forças de segurança e pare de compartilhar notícias falsas sobre ataques de facções à cidade. A declaração foi dada ao Diário do Nordeste. “São boatos espalhados através das redes sociais. A população deveria colaborar não espalhando essas notícias falsas”, disse, conforme reportagem publicada hoje.

A noite de quinta para sexta foi bastante tranquila em Quixadá. Apesar de instituições de ensino superior terem cancelado suas aulas no período noturno por causa dos boatos, nenhuma ocorrência policial de natureza grave foi registrada.

A Polícia Militar em Quixadá, assim como tem feito em todo o Estado – especialmente por causa do ambiente de insegurança na capital -, e até para contrabalançar o clima de medo gerado pela divulgação de notícias falsas, continua em alerta e desencadeou uma série de abordagens nas ruas da cidade, tudo para contribuir com um clima de mais conforto e segurança na principal cidade da região.

Confira também:

Não há ameaça concreta de facções contra a cidade de Quixadá; áudio de WhatsApp não é motivo para pânico


Site desenvolvido por Agência Clig