Ilário Marques determina compra de 200 exames rápidos para usar em casos suspeitos de coronavírus em Quixadá.

Diante da demora para que os resultados dos exames dos pacientes suspeitos de infecção por coronavírus sejam entregues pelo Laboratório Central do Ceará (Lacen), o prefeito de Quixadá, Ilário Marques, determinou a aquisição urgente de 200 exames rápidos para detecção do novo vírus no organismo humano.

A Secretaria de Saúde está verificando fornecedores e disponibilidade de venda. É altíssimo em todo o brasil o interesse por exames do tipo.

Até agora, Quixadá teve 18 casos suspeitos. Dois foram descartados após reavaliação clínica e dois descartados após análise do Lacen. Para Ilário Marques, é importante detectar rapidamente quem está, de fato, infectado, para que tal pessoa seja isolada totalmente ou nos casos mais graves, enviada para tratamento em UTI no Hospital Regional do Sertão Central, que é o hospital de referência para os casos na região.

Ilário também está investindo, antes do pico de infecção no país, na preparação de uma Unidade Exclusiva para atendimento ambulatorial e até internação temporária dos casos suspeitos. O gestor aguarda posicionamento do Governo do Estado sobre o pedido feito de pelo menos oito ventiladores mecânicos e equipamentos de entubação de pacientes.


Site desenvolvido por Agência Clig