Banabuiú: Após gestões anteriores negarem direito a professores, Edinho Nobre realiza sonho da classe e amplia carga horária

Em um dia de festa e que vai ficar na história da Educação de Banabuiú, professores da rede municipal de ensino concretizaram uma luta de mais de uma década para conseguirem de forma legal e definitiva a ampliação de sua carga horária de trabalho de 100h para 200h mensais. Por vários anos, buscaram através da justiça e do diálogo com as antigas gestões a realização desse direito, que no entanto, lhes foi negado.

Banabuiú: Após gestões anteriores negarem direito a professores, Edinho Nobre realiza sonho da classe e amplia carga horária

 
Porém, ao assumir a gestão em 2017, o Prefeito Edinho Nobre reafirmou o compromisso da ampliação, visto que essa ação fazia parte do seu plano de governo, que tem como um dos seus eixos estruturantes a valorização dos profissionais da Educação, e que esta ação fosse feita com responsabilidade e levando em consideração o contexto das necessidades do município.

Banabuiú: Após gestões anteriores negarem direito a professores, Edinho Nobre realiza sonho da classe e amplia carga horária

 
O processo foi iniciado no ano de 2017, tendo à frente a então Secretária Yáskara Silveira e concluído pela atual gestora da Educação Imaculada Silveira, que realizou uma série de debates e encontros com profissionais da Educação, vereadores e comunidade fazendo um estudo da real demanda e definindo as diretrizes do processo de ampliação. 
 
Após isso, o Prefeito Edinho Nobre assinou a Lei em 23 de maio de 2018, e cumprido todas as etapas assinou a portaria definitiva da ampliação de 18 professores, neste dia 5 de fevereiro de 2019. Em seu discurso, o Prefeito garantiu aos demais que conforme novas carências surjam outros professores serão ampliados.

Site desenvolvido por Agência Clig