A Universidade Estadual do Ceará (Uece) desenvolveu o protótipo do primeiro ventilador mecânico totalmente cearense e de baixo custo em comparação com equipamentos existentes no mercado. O projeto teve apoio do CriarCE, projeto da Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior (Secitece), e do Instituto Desenvolvimento, Estratégia e Conhecimento (IDESCO).

Sob a liderança do coordenador do Laboratório de Biofísica da Respiração (LBR/Uece), professor Sales Ávila, a iniciativa surgiu diante do problema causado pela pandemia e da experiência do docente relacionada a pesquisas científicas sobre mecânica pulmonar. “Pela necessidade mundial de novos desenvolvimentos nessa área, enxergamos uma oportunidade de aplicar nossos conhecimentos técnico-científicos e trazer para o portfólio da Uece um grande salto de inovação”, destaca o pesquisador.

O trabalho tem como objetivo colocar à disposição do Brasil um equipamento de preço competitivo e de rápida produção. O protótipo passará por processo de registro de patente e terá co-titularidade da Uece para, em seguida, passar por validações e ser então registrado na Anvisa. “O grande diferencial é o uso de componentes extremamente robustos, de fácil aquisição e com estoques gigantes em todo o mundo”, explica Sales. (Via Focus.Jor)


Site desenvolvido por Agência Clig