Número de detidos por ataques no Ceará sobe para 330

Já são 330 os presos e apreendidos por participação nos ataque criminosos registrados desde o dia 2 de janeiro no Estado, segundo a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

Entre as 17h de ontem e a manhã deste sábado (12), mais 11 pessoas foram capturadas.

“As prisões e apreensões registradas na Capital, Região Metropolitana e Interior são oriundas de ações das forças de segurança cearenses, e entidades parceiras, que atuam incessantemente para garantir tranquilidade a todos os cidadãos cearenses e a normalidade no funcionamento dos serviços públicos”, informou o órgão em nota.


Site desenvolvido por Agência Clig