Campus da UFC em Quixadá.

Devido ao contingenciamento de verbas de 30% ordenado pelo Ministério da Educação em julho deste ano, a Universidade Federal do Ceará (UFC) interrompeu temporariamente a substituição de bolsistas. Além disso, editais para novas vagas não poderão ser lançados. O motivo é a falta de recursos.

O aviso foi enviado na quinta-feira, 1°, aos gestores da universidade. De acordo com o texto, foi considerado, para a medida, o contingenciamento estabelecido pelo ministério. “Também ficam suspensas as publicações de editais criando novas vagas de bolsas, enquanto perdurar o contingenciamento imposto às universidades”, informa o ofício. Somente as bolsas executadas com recursos do Plano Nacional de Assistência Estudantil (PNAES) não sofrerão com a restrição.

Outras informações poderão ser publicadas nos próximos dias, mas a Pró-Reitoria de Planejamento e Administração (Proplad) ressalta que “a iniciativa não significa corte de bolsas hoje ocupadas. Nenhum bolsista hoje em atividade será, portanto, afetado”.


Site desenvolvido por Agência Clig